ENGENHEIRO(A)
FLORESTAL

A formação de um engenheiro florestal é muito abrangente, e a sua atividade é muito ampla e diversificada. Como exemplo de algumas áreas em que o engenheiro florestal tem um papel muito importante:

SILVICULTURA

Elabora projetos de arborização. Gere espaços florestais. Executa inventários florestais. Desenvolve tecnologias de produção de sementes e plantas florestais melhoradas.

GESTÃO DE RECURSOS NATURAIS

Participa em processos de planeamento e política florestal. Gere, estuda e administra áreas protegidas e outras áreas florestais . Gere e classifica as árvores e florestas em espaço urbano, bem como o arvoredo protegido, classificado de interesse público. Estuda e modela a ecologia e gestão dos fogos rurais. Elabora planos de ordenamento de recursos cinegéticos, piscícolas nas águas interiores e de silvopastorícia.

ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E GESTÃO DE RISCOS

Elabora planos de gestão de áreas florestais e planos de proteção florestal (incêndios, pragas, etc.). Domina sistemas de informação geográfica (SIG). Elabora planos de ordenamento florestal definindo abordagens silvícolas sustentáveis.

RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

Aplica técnicas de recuperação e restauro de ecossistemas florestais promovendo ações de correção torrencial, recuperação de solos, etc.

INDÚSTRIA DO PRODUTOS FLORESTAIS E DERIVADOS

Gere e desenvolve os processos de transformação industrial de produtos florestais, nomeadamente madeira, cortiça e resina. Melhora, por meio da biotecnologia, as características genéticas das espécies florestais com potencial para serem transformadas em mobiliário, produtos suberícolas, energia, pasta para papel, etc.

EDUCAÇÃO, DOCÊNCIA E INVESTIGAÇÃO

Realiza atividades em educação ambiental e ecoturismo. Investiga em centros de investigação ou universidades assuntos fundamentais para a sustentabilidade da floresta, como resistência e combate a pragas e doenças, melhoramento genético florestal, alterações climáticas, técnicas de silvicultura, etc.

MONOTORIZAÇÃO AMBIENTAL

Acompanha a exploração e comercialização de recursos naturais Participa em processos de certificação da gestão florestal Efetua vistoriais, perícias e avaliações, emitindo pareceres técnicos em processos de licenciamento florestal ou ambiental.

TECNOLOGIA DE PRODUTOS FLORESTAIS

Pesquisa e desenvolve tecnologias para o aproveitamento, extração e a industrialização de madeiras e de outros produtos florestais como cortiça, resina e óleos essenciais.

CARTOGRAFIA E GEOPROCESSAMENTO

Executa trabalhos de cartografia em áreas e propriedades rurais e ambientes florestais. Utiliza SIG, tecnologias de deteção remota e de tratamento de imagem (fotografia aérea, imagens de satélite, etc.)

ENTIDADES ONDE PODES
EXERCER A PROFISSÃO

Organismos públicos da administração central, regional e local
Empresas de gestão e planeamento de recursos naturais
Indústrias da fileira florestal
Áreas protegidas
Organizações de produtores e/ou proprietários florestais
Aquiculturas de águas interiores
Organizações de caçadores e pescadores
Empresas de consultoria e auditoria.
Investigação científica e ensino

DESCOBRE MAIS SOBRE
ESTA ÁREA DE ESTUDO
QUE PODES SEGUIR EM...